Policial é ferido em ataque de traficantes contra UPP, na Zona Norte do Rio

Um carro da PM nas proximidades do Morro da Mangueira
Um carro da PM nas proximidades do Morro da Mangueira Foto: Luã Marinatto / Agência O Globo

Um policial militar foi baleado na barriga durante uma ataque de traficantes contra agentes da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro da Mangueira, na Zona Norte do Rio, na manhã desta terça-feira. O soldado Saraiva foi socorrido e levado para o Hospital Quinta D’Or, em São Cristóvão, também na Zona Norte. Ainda não há informações sobre seu estado de saúde. O Batalhão de Operações Especiais (Bope) foi acionado e faz uma operação na Mangueira.

Os agentes estavam na localidade conhecida como Buraco Quente quando se tornaram alvos de disparos. Moradores e pessoas que passam perto da comunidade relatam um intenso tiroteio, além de barulhos de explosões.

Por causa do confronto, a Rua Visconde de Niterói tem um trecho interditado ao trânsito. Segundo o Centro de Operações da Prefeitura do Rio (COR), o bloqueio é na pista no sentido São Cristóvão, na altura da Rua Ana Néri.

Em redes sociais, alguma pessoas comentam a manhã de violência na Mangueira. A PM também publicou um alerta no Twitter.

Segundo a assessoria de imprensa das UPPs, o ataque contra os policiais ocorreu quando eles realizavam uma ação para retirar barricadas do tráfico:

“De acordo com o comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Mangueira, policiais da unidade realizam uma ação para a desobstrução de vielas na localidade conhecida como Buraco Quente, na manhã desta terça-feira (25/7), após informações de que criminosos teriam construído um muro e colocado trilhos como barricadas. Houve confronto no local e bandidos atacaram a base avançada do Telégrafo. Um policial foi baleado e socorrido para o Hospital Quinta D’Or, em São Cristóvão, onde passa por exames. O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) foi acionado e reforça o policiamento na comunidade”.

Morte no primeiro dia de trabalho

Há uma semana, o cabo da Bruno dos Santos Leonardo, de 29 anos, morreu após ser baleado no Morro da Mangueira. Ele estava chegando para seu primeiro dia de trabalho na UPP da comunidade.

 

Fonte: Extra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s